Novembro Azul: a importância do urologista no diagnóstico e tratamento do câncer de próstata

Novembro Azul: a importância do urologista no diagnóstico e tratamento do câncer de próstata

Em um mês destinado especialmente ao cuidado com a saúde do homem, em especial em relação ao câncer de próstata, não poderíamos deixar de destacar a participação do urologista neste processo.

O profissional urologista consegue atender todos os públicos, mas é inegável que os maiores beneficiados do conhecimento e da prática desta especialidade são os homens, já que dentre as suas competências estão: ajudar o homem a compreender sua fisiologia e avaliar o seu estado clínico.

Desta forma, a partir de um conjunto de exames, que incluem o exame retal, o hemograma, exames de imagem, PSA, entre outros, é possível que o urologista consiga identificar a presença inicial do câncer de próstata, por exemplo, o que pode fazer toda a diferença na vida do paciente.

Isso porque, através do diagnóstico precoce, o tratamento possui maior chance de sucesso.

Dados indicam que há uma grande resistência dos homens em realizar o acompanhamento adequado e necessário com os urologistas quando comparado às mulheres.

Para cada oito consultas ginecológicas realizadas, estima-se que seja realizada apenas uma urológica.

Esses dados colaboram para compreendermos a necessidade da amplificação da discussão sobre a saúde do homem, que muitas vezes acaba sendo negligenciada por ele próprio devido às construções sociais que lhe são impostas.

Precisamos romper com os estigmas construídos e reforçar a importância do urologista não apenas para o diagnóstico do câncer de próstata, mas também para as tantas outras contribuições que este profissional pode gerar à saúde dos homens.

O CEON ABC reafirma o seu compromisso com a saúde e com a vida!

Cuide do bem mais precioso que existe: você!

WhatsApp chat